Cloreto de magnésio: o que é, benefícios, contraindicações e como tomar

O cloreto de magnésio é um suplemento derivado do magnésio que faz maravilhas à saúde. Ele é responsável por várias funções do corpo, além de tratar doenças. Se você já ouviu falar dessa substância, mas, não sabe nada sobre ele precisa ler este texto. A gente vai explicar para você o que é, para que serve, como tomar, efeitos colaterais e efeitos colaterais do cloreto de magnésio.

O que é?

O cloreto de magnésio é um suplemento mineral do magnésio. Calma que vamos explicar o que é magnésio! O magnésio é um elemento químico, um metal sólido no ambiente que é o nono mais presente no mundo, usado para dar liga ao alumínio, na fabricaçãode bombas e para a vida humana, o magnésio é importante para os ossos. Voltando para o cloreto de magnésio, esse composto químico é usado na culinária, especialmente na produção de tofu (queijo de leite de soja).

Para o organismo humano, o cloreto de magnésio é importante para os ossos, manutençãodas células, saúde do coração, processos respiratórios, melhoria das funções renais e funcionamento correto do cérebro. A descoberta sobre o uso desse suplemento mineral deu-se lá pela década de 80 e aqui no Brasil, os benefíciosdo cloreto de magnésio para a saúde foram difundidos pelo padre catarinense Beno Schorr que também era professor de química, biologia e física.

Cloreto de magnésio trata quais doenças?

Existem 10 problemas de saúde podem ser tratadas com cloreto de magnésio, saiba quais são elas:

  • Problemas nos ossos e músculos

Há um artigo do padre Beno Schorr onde ele relata sua experiência. Dos 55 aos 69 anos ele sentia um forte formigamento nas pernas que o fazia ficar quase o tempo todo sentado ou deitado. Ele começou a tomar 2 doses de cloreto de magnésio diariamente e após 30 dias já não sentia mais dor. Atualmente, é conhecida sua eficácia para sintomas de contração muscular em atletas. Além do mais, o cloreto de magnésio também melhora o desempenho dos praticantes de atividade física.

  • Desordem na diabetes e colesterol

O magnésio é responsável por ajudar a insulina transportar glicose para ascélulas. E a diabetes é um dos problemas causados pela deficiência de magnésio. Outra função do magnésio é manter em ordem os níveis do bom e do mau colesterol. Por isso é comum a prescrição da suplementação de magnésio a diabéticos e pessoas com anormalidades no colesterol.

  • Imunidade fraca e envelhecimento celular

Quando o sistema imunológico está fraco, o organismo fica mais suscetível a infecções. E tem mais! Como o câncer é o envelhecimento das células, a ingestão regular demagnésio atua na renovação das células existentes e ainda dá saúde as que vão surgir.

  • Sintomas de enxaquecas

A contração de nervos e vasos sanguíne os é uma das causas de dores de cabeça e enxaquecas. Como o magnésio melhora a circulação sanguínea e tem efeito sedativo é um aliado para quem sofre com dor de cabeça e também enxaquecas.

  • Dores menstruais

O cloreto de magnésio melhora sintomas da TPM por ajudar a regular os hormônios durante esse período. A ação sedativa do cloreto de magnésio também ajuda a diminuir a irritabilidade durante a menstruação.

  • Problemas no sistema digestivo

O ácido clorídrico é uma substância produzida no estômago e sua função a fazer o sistema digestivo funcionar corretamente; além de melhorar a absorção de nutrientes. A suplementação de cloreto de magnésio ajuda pessoas que produzem o ácido clorídrico em quantidade insuficiente.

  • Envelhecimento cerebral

O magnésio é uma das substâncias mais importantes para o cérebro. A regularidade no consumo ajuda a evitar o envelhecimento cerebral. Isso acontece porque o magnésio melhora a transmissão de impulsos nervosos, consequentemente aumentando a capacidade de aprendizado e memória.

  • Problemas renais e no fígado

A urina é uma forma de eliminar toxinas nos rins. Pessoas com baixos níveis de magnésio podem apresentar problemas nos rins e não conseguirem expulsar substâncias tóxicas. Já quem tem gordura no fígado em excesso encontram no cloreto de magnésio uma ajuda para resolver isso.

  • Dentes fracos

O magnésio e cálcio são importantes para formação dos dentes. Quando os níveis dessas substâncias estão em desequilíbrio, os ossos “roubam” o cálcio dos dentes que podem ficar enfraquecidos. Por isso, a suplementação de cloreto de magnésio ajuda a fortalecer os dentes.

  • Dificuldade para dormir

A ação sedativa do magnésio é tamanha que seus derivados são usados em anestesias. Isso explica porque o cloreto de magnésio melhora a qualidade do sono. Se você tem insônia pode investir nessa substância.

Cloreto de magnésio emagrece ou engorda?

O cloreto de magnésio ajuda a emagrecer porque melhora a absorção de nutrientes, evita estresse oxidativo e aumenta energia para fazer exercícios físicos. Porém, o melhor que você tem a fazer é associar o cloreto de magnésio a uma dieta equilibrada com atividade física. 

Como tomar 

Depende da apresentação do produto, porém, deve ser todos os dias e no mesmo horário. Se o suplemento for líquido, agite a embalagem coloque a quantidade indicada pelo fabricante em 240 ml de água.

A quantidade de cloreto de magnésio em pó por dia é 2 colheres de sopa. Por fim, o cloreto de magnésio em cápsulas também deve ser tomado com água e a quantidade é até 3 cápsulas diariamente, ou conforme orientações da embalagem. Nossa recomendação é consultar seu médico sobre sua intenção de fazer uma suplementação com cloreto de magnésio.

Contraindicações e efeitos colaterais 

Mulheres grávidas não podem tomar cloreto de magnésio porque a substância penetra na placenta, prejudicandoa saúde do bebê. Quem faz tratamento médico com antibióticos também não deve consumir, devido ao risco de anular a ação dos antibióticos. Em pessoas com pressão muito alta ou muito baixa a suplementação com cloreto de magnésio pode baixar drasticamente a pressão arterial.

Os efeitos colaterais do cloreto de magnésio aparecem quando é a quantidade diária de 350 ml é excedida.  Diarreia, reações alérgicas (coceira, inchaço do rosto, lábios e língua), aperto no peito, dificuldade para respirar e diminuição dos batimentos cardíacos são sintomas ligados ao exagero dessa substância. Por isso, ressaltamos a importância de consultar o médico antes de tomá-lo.

Onde comprar cloreto de magnésio

Você pode comprar cloreto de magnésio em farmácias e lojas de produtos naturais físicas e on-line. O preço varia conforme o local e o fabricante, mas o valor médio gira em torno deR$30,00. Sugerimos que você compre somente em redes de farmácias e lojas de produtos naturais conhecidas para ter certeza da procedência.

Tirou suas dúvidas sobre os benefícios do cloreto de magnésio para a saúde? Então, continue aqui para mais dicas de saúde.

Spirulina: o que é, pra que serve, benefícios e efeitos colaterais

A Spirulina é uma bactéria aquática rica em vitaminas, minerais, proteínas e ácidos graxos. Essas propriedades fornecem ao corpo substâncias necessárias para o sustento diário.

Vamos descobrir as características da Spirulina e dos suplementos alimentares derivados dela.

O que é e para que serve

A spirulina é uma bactéria, encontrada em alguns lagos de água doce, extremamente rica em vitaminas, antioxidantes e proteínas. Atualmente é amplamente conhecida por seu alto conteúdo nutricional e seu consumo já é antigo, porém sua industrialização é recente. Atualmente, a spirulina é considerada um superalimento.

Trata-se de um suplemento alimentar rico em proteínas cujo seu consumo é muito apreciado por vegetarianos, praticantes de atividades físicas e por pessoas que buscam emagrecer.

A Spirulina possui um alto nível de proteínas, também possui quantidades significantes de vitamina B12, vitamina B1, vitamina B2, vitamina E, betacaroteno, ferro, ácido gamalinoleico e clorofila. Possui 18 dos 22 aminoácidos conhecidos e mais de 15 minerais. É considerada um superalimento que contém apenas 5% de gordura e de fácil digestão.

Spirulina

Benefícios da spirulina

Com todas as vitaminas e minerais presentes, a spirulina possui diversos benefícios que tem despertado a curiosidade de muitos. Atualmente, os estudos revelam vários benefícios para a saúde, que incluem:

  • Emagrecimento: O bom funcionamento do organismo depende das quantidades adequadas de vitaminas e minerais. Quando o organismo não possui quantidades adequadas, você tem a impressão que precisa de mais comida, causando a fome exagerada.
  • Proteção contra doenças: Os nutrientes são responsáveis pela produção de anticorpos, assim fortalecendo o sistema imunológico, responsável pelo combate de doenças e infecções.
  • Prevenção ao câncer: Sua grande fonte de antioxidantes oferece proteção contra os danos oxidativos das células. Os danos oxidativos podem ocasionar uma lesão crônica, degenerando algum tipo de câncer. Suas propriedades anticâncer foram testadas em animais, estudos mostram redução na ocorrência de câncer e redução de tumores (1,2).
  • Conveniente para os músculos: A Spirulina apresenta compostos antioxidantes (compostos fenólicos, tocoferóis, betacaroteno, ficocianina e outros). Essas substâncias ajudam no combate a fadiga muscular, causada pelos exercícios intensos. O alto teor de proteínas presente na Spirulina também, faz dela, uma ótima aliada para quem deseja ganhar massa magra, já que este macronutriente é fundamental para reconstrução do tecido muscular.
  • Ajuda a controlar a glicemia e a lipidemia no diabetes tipo 2: Sua alta concentração de nutrientes funcionais resultou em uma diminuição da glicemia em jejum e níveis de glicemia pós-pradial (depois de uma refeição). Também houve uma redução no nível de HbA1C (exame de sangue que mede o nível médio de glicose durante dois ou três meses) indicando uma melhor regulação da glicemia a logo prazo (3, 4).
  • Controle de alergias: Estudos sugerem que a Spirulina é fortemente eficaz no controle de alergias, com sintomas de secreção nasal, espirros, congestão nasal e coceiras. Nos estudos os voluntários relataram satisfação com os resultados advindos do tratamento (5,6).

Efeitos colaterais

Algumas pessoas que usam spirulina podem sofrer efeitos colaterais como dor de cabeça, sudação, náuseas, dificuldade de concentração e rubor facial. Porém, esses efeitos colaterais tendem a ocorrer principalmente se você consumir spirulina em excesso.

Evite a spirulina em caso de doença autoimune, como a esclerose múltipla, artrite reumatoide ou lúpus, pois poderia estimular seu sistema imunológico, tornando sua condição pior.

Onde comprar e preço

O produto pode ser encontrado em várias lojas de suplementos alimentares. Seu preço, varia de R$ 20,00 a R$ 100,00 dependendo da composição utilizada. Clique aqui para conferir o preço na loja Netshoes.

5 suplementos para emagrecer com saúde e queimar gorduras

Como emagrecer com saúde rápido e sem stress? Alguns vão dizer que isso é impossível e outros vão argumentar que só é possível perder peso rápido com saúde com remédios para emagrecedor como a sibutramina. Mas você sabia que alguns suplementos podem te ajudar a queimar gorduras e a emagrecer mais rápido?

Suplementos queimadores de gordura são suplementos que podem aumentar seu metabolismo, reduzir a absorção de gordura ou ajudar o corpo a queimar gorduras como combustível.

Vários desses suplementos naturais disponíveis no mercado podem te ajudar a queimar gorduras e a emagrecer com saúde.

Este artigo lista os 5 melhores suplementos para te ajudar a queimar gorduras.

Cafeína

A cafeína é uma substância encontrada no café, chá verde, cacau, entre outros produtos naturais. É também um ingrediente popular em suplementos comerciais de queima de gordura – e por uma boa razão. Ela pode ajudar a aumentar seu metabolismo e ajudar seu corpo a queimar mais gordura e a emagrecer com saúde.

Pesquisas mostram que a cafeína pode aumentar seu metabolismo temporariamente em até 16% durante uma a duas horas (1, 2, 3).

Além disso, vários estudos mostram que a cafeína pode ajudar seu organismo a queimar gorduras como combustível. No entanto, esse efeito parece ser mais forte em pessoas magras do que pessoas obesas (4, 5, 6).

O consumo constante de cafeína pode tornar o seu corpo mais tolerante aos seus efeitos, tornando-a menos eficaz.

Para colher todos os benefícios da cafeína, você não precisa tomar um suplemento. Basta beber algumas xícaras de café forte, que é uma excelente fonte de cafeína com muitos benefícios para a saúde.

[caption id="attachment_773" align="aligncenter" width="350"]kimera thermo resenha O Kimera é um popular suplemento de cafeína (site oficial)[/caption]

Extrato de Chá Verde

O extrato de chá verde que você compra em lojas de suplementos e produtos naturais é simplesmente uma forma concentrada de chá verde. Ele fornece todos os benefícios do chá verde em uma forma conveniente de pó ou cápsula.

O extrato de chá verde também é rico em cafeína e o galato de epigalocatequina de polifenóis (EGCG), ambos compostos que podem ajudá-lo a queimar gorduras (7, 8).

Além disso, esses dois compostos se complementam e podem ajudá-lo a queimar gorduras através de um processo chamado termogênese. Em termos simples, a termogênese é um processo em que seu corpo queima calorias para produzir calor (9, 10, 11).

Por exemplo, uma análise de seis estudos descobriu que tomar uma combinação de extrato de chá verde e cafeína ajudou as pessoas a queimar 16% mais de gordura do que um placebo. Em outro estudo, cientistas compararam os efeitos de um placebo, cafeína e uma combinação de extrato de chá verde e cafeína sobre a queima de gordura. Eles descobriram que a combinação de chá verde e cafeína queimava aproximadamente 65 calorias por dia a maisdo que a cafeína sozinha e mais 80 calorias do que o placebo.

Se você decidir tomar o extrato de chá verde, uma dose de 250-500 mg por dia é a ideal para você conseguir emagrecer com saúde. Isso proporcionará os mesmos benefícios que beber de 3 a 5 xícaras de chá verde por dia.

[caption id="attachment_1659" align="aligncenter" width="300"]como emagrecer com saúde tomando extrato de cha verde O Extrato de chá verde pode te ajudar a emagrecer com saúde[/caption]

Proteína

A proteína é incrivelmente importante para a queima de gorduras. Uma alta ingestão de proteínas pode te ajudar a queimar gorduras, aumentando o metabolismo e diminuindo o seu apetite. Proteínas também ajudam o seu corpo a manter a massa muscular (12, 13, 14).

Um estudo em 60 participantes com sobrepeso e obesidade descobriu que uma dieta rica em proteínas (25% de proteínas na dieta) era quase duas vezes mais efetiva que uma dieta de proteína mais moderada (12% de proteínas) na queima de gordura.

A proteína também pode diminuir o seu apetite, aumentando os níveis de hormônios da sociedade como GLP-1, CCK e PYY, enquanto reduz os níveis de hormonas ghrelina, o “hormônio da fome” (15).

Você pode obter todas as proteínas que você precisa através da ingestão de alimentos ricos em proteínas, mas se você não consegue comer proteína suficiente diariamente, você pode tentar suplementação. Eles são uma maneira conveniente de aumentar a ingestão de proteínas.

As opções incluem Whey protein, caseína, proteína de soja e albumina. No entanto, é importante escolher um suplemento de proteína com baixo teor de açúcar e outros carboidratos, especialmente se o seu objetivo é perder peso e emagrecer com saúde.

Os suplementos de proteínas devem substituir lanches ou parte de uma refeição, em vez de serem adicionados em cima da sua dieta. Caso contrário, você estará consumindo mais calorias do que você precisa e pode acabar engordando ao invés de emagrecer.

A quantidade ideal de proteína que você pode consumir por dia é de 1 a 2 colheres (25 a 50 gramas) de proteína em pó.

Fibra solúvel

Existem dois tipos diferentes de fibras: as solúveis e insolúveis. A fibra solúvel absorve água no seu aparelho digestivo e forma uma substância viscosa tipo gel. Estudos mostram que a fibra solúvel pode ajudar a queimar gorduras, reduzindo sua fome (16, 17, 18).

A razão disso é porque a fibra solúvel pode ajudar a aumentar os níveis de hormônios da saciedade como PYY e GLP-1. Ela também pode ajudar a reduzir os níveis do “hormônio fome” ghrelina (19).

Além disso, a fibra solúvel ajuda a diminuir a liberação de nutrientes para o intestino. Quando isso acontece, seu corpo leva mais tempo para digerir e absorver nutrientes, o que pode deixá-lo com a sensação de estar cheio por mais tempo, reduzindo assim sua vontade de comer.

A fibra solúvel também pode ajudá-lo a queimar gorduras reduzindo a quantidade de calorias que você absorve dos alimentos. Em um estudo, 17 pessoas fizeram dietas com quantidades variáveis ​​de fibras e gorduras. O estudo descobriu que as pessoas que comeram mais fibras absorveram menos gorduras e menos calorias durante a dieta. Essas pessoas emagreceram com saúde graças às fibras solúveis!

Você pode obter toda a fibra solúvel que você precisa através da alimentação. Mas se você preferir, você pode tomar um suplemento rico em fibra solúveis como o glicomanano ou o psyllium.

[caption id="attachment_1660" align="aligncenter" width="300"]psyllium Plantago ovata, planta de onde é extraído o psyllium.[/caption]

Yohimbina

A Yohimbina é uma substância encontrada na casca de Pausinystalia yohimbe, uma árvore encontrada na África Central e Ocidental. Ela é comumente usada como um afrodisíaco, mas também possui propriedades que podem ajudá-lo a queimar gorduras.

A Yohimbina funciona bloqueando receptores chamados receptores adrenérgicos alfa-2. Estes receptores normalmente ligam a adrenalina para suprimir seus efeitos, um dos quais é encorajar o corpo a queimar gorduras como combustível. Como a yohimbina bloqueia esses receptores, ela pode prolongar os efeitos da adrenalina e promover a queima de gordura (20, 21, 22, 23).

Um estudo com 20 jogadores de futebol de elite descobriu que tomar 10 mg de yohimbina duas vezes ao dia ajudou a queimar 2,2% de sua gordura corporal, em média, em apenas três semanas. Tenha em mente que esses atletas já eram bem magros, ou seja, uma redução de 2,2% na gordura corporal é algo impressionante.

Além disso, estudos em animais mostraram que a yohimbina pode ajudar a reduzir o apetite. No entanto, como a quantidade de estudos com essa essa substância ainda é pequena, é necessário que saibamos mais informações sobre a yohimbina para ser recomendada como um suplemento de queima de gordura.

A yohimbina mantém seus níveis de adrenalina elevados, o que pode causar efeitos colaterais como náuseas, ansiedade, ataques de pânico e hipertensão arterial (24).

Ela também pode interagir com medicamentos comuns para pressão arterial e depressão. Se você toma medicamentos um desses tipos de medicamentos, evite tomar yohimbina (25).

[caption id="attachment_1661" align="aligncenter" width="300"]Pausinystalia yohimbe Pausinystalia yohimbe, a árvore de onde a yohimbina é extraída[/caption]

Outros suplementos naturais que podem ajudar a queimar gordura

Há vários outros suplementos naturais existentes no mercado que podem ajudá-lo a perder peso com saúde. No entanto, eles pode apresentar efeitos colaterais ou a evidência científica quanto ao seu papel emagrecedor ainda não é conclusiva.

Entre esses suplementos que pode te ajudar a emagrecer com saúde, podemos citar os seguintes:

  • 5-HTP: o 5-HTP é um aminoácido e precursor do hormônio serotonina. Ele pode te ajudar a queimar gorduras, reduzindo seu apetite e aquele vontade de comer carboidratos. No entanto, p 5-HTP pode interagir com medicamentos para depressão (26, 27).
  • Synephrine: a Synephrine é uma substância abundante em laranjas amargas. Algumas evidências mostram que ele pode ajudar a queimar gorduras, mas apenas poucos estudos confirmam essas descobertas (28, 29).
  • Café verde: pesquisas mostram que café verde pode ajudar a emagrecer com saúde mais rápido. No entanto, alguns desses estudos são patrocinados por seus fabricantes de suplementos de café verde, o que causa um conflito de interesses e uma dúvida sobre a veracidade (30, 31).
  • CLA (ácido linoleico conjugado): CLA é um grupo de ácidos graxos ômega-6 que pode faciltar a queima de gorduras. Seus efeitos gerais parecem fracos e a evidência sobre a eficácia do CLA como queimador de gorduras natural é mista (32, 33).
  • L-carnitina: alguns estudos mostram que a carnitina pode ser um bom queimar gorduras, mas as evidências disso não são confirmadas por outros estudos (34, 35).

Conclusão


Existem alguns suplementos feitos de produtos naturais que podem te ajudar a queimar gorduras e no processo, emagrecer com saúde. Os melhores são os 5 primeiros listados: a Yohimbina, o chá verde, a fibra solúvel, proteínas e a cafeína. Além dos já citados neste artigo, há outros suplementos que poderiam ajudar na queima de gordura e perca de peso, mas como nem todos foram exaustivamente estudados, sua eficácia não pode ser 100% confirmado.

Se você precisa ou quer perder gorduras, use um dos 5 produtos naturais aqui listados, seja em forma de suplementos ou através da alimentação. Lembre-se que a suplementação não substitui uma dieta saudável e lembre-se também que você não vai emagrecer com saúde se você consumir mais calorias que você queima.

Dito isso, esperamos que esse artigo tenha sido útil e tenha ajudado a tirar suas dúvidas. 🙂

Garcinia Cambogia: Para que serve? Será que emagrece?

A garcinia cambogia se tornou muito popular nos últimos anos devido aos seus alegados poderes emagrecedores. Mas será que ela é tão poderosa assim? Vale a pena comprar e usar?

Descubra acompanhando a seguir as principais informações a garcinia cambogia: será que é boa mesmo e vai me ajudar a perder peso?

O que é

A garcinia cambogia, também conhecida por garcinia gummi-gutta e tamarindo de Malabar é uma fruta mais ou menos do tamanho de uma laranja, e com o formato parecido com o de uma abóbora moranga. Originária da Indonésia, atualmente ela é muito cultivada nos países do Extremo Oriente, sobretudo na Índia e vem ganhando cada dia mais espaço no Brasil devido aos seus efeitos emagrecedores, em especial como queimador de gordura natural.

Da casca da garcinia cambogia, tem sido feito um extrato e este por sua vez desidratado e vendido em cápsulas como auxiliar no processo de emagrecimento. Estas cápsulas devem ser ingeridas principalmente antes das refeições, trazendo saciedade ao indivíduo que comerá menos, e consequentemente emagrecerá.

Além de auxiliar na perda de peso, a garcinia cambogia traz outros benefícios a saúde tais como, melhoria da digestão, alívio das dores provenientes da artrite e até mesmo cura de úlceras.

[caption id="attachment_1592" align="aligncenter" width="1024"]para que serve Garcinia Cambogia como tomar beneficios Um suplemento de Garcinia Cambogia da Potent Organics[/caption]

Para que serve Garcinia Cambogia

A maioria das pessoas tem buscado utilizar este produto como auxiliar no processo de emagrecimento. Uma vez que as substâncias químicas contidas na garcinia cambogia trazem saciedade, bloqueiam parcialmente a absorção de gorduras pelo organismos e também inibem a transformação dos carboidratos adquiridos através da dieta em gorduras.

No entanto, não é só para isto que serve a garcinia cambogia. Outros benefícios também podem ser obtidos a partir da ingestão da mesma. Pessoas que sofrem de insônia, ou transtorno de humor também podem e devem fazer uso do extrato.

Benefícios

Além de ser considerada um emagrecedor natural, outros benefícios poderão ser obtidos a partir da ingestão da garcinia cambogia. Abaixo, estão listadas as principais delas.

  • O ácido hidroxicítrico presente nesta fruta, possui a função de inibir a enzima que transforma os carboidratos em gordura
  • A ingestão do extrato desta fruta tem o poder de inibir a produção de LDL (mau colesterol), regulando assim a taxa de triglicerídeos
  • Pode ajuda as pessoas que possuem resistência à insulina
  • Regula o humor aumentando os níveis de serotonina
  • Ajuda a melhorar na qualidade do sono
  • É um inibidor de apetite natural
  • Pode auxiliar na saúde do sistema digestivo
  • Alivia dores causadas pela artrite
  • pode ajudar a sarar úlceras

Emagrece mesmo?

A resposta é sim. Estudos tem mostrado que o poder emagrecedor da garcinia cambogia é de duas a três vezes maior que aos dos demais métodos disponíveis no mercado. E o melhor de tudo, é que isto se dá de uma maneira totalmente natural. E quando se diz que é natural, é porque este produto não afetará o sistema nervoso central, como os demais. Além disso os efeitos colaterais provenientes da utilização são bem poucos e em muitas pessoas inexistentes.

Os resultados serão ainda melhores se junto com a ingestão do extrato de garcinia cambogia, você adotar uma dieta balanceada, e realizar algum tipo de atividade física aeróbica ao menos três vezes na semana.

Como funciona

O principal atributo da garcinia cambogia que faz com que as pessoas a utilizem no processo de emagrecimento é a inibição do apetite. Ingerindo o extrato seco desta fruta, a pessoa passa a ter maior saciedade e com isso, comerá menos, consequente emagrecerá.

Esta saciedade ocorre porque, o extrato da planta ingerido fará com que os tecidos orgânicos permaneçam com a quantidade ideal de glicogênio (forma de açúcar armazenado no organismo, sobretudo nos músculos e no fígado). Com isso, o organismo não sentirá a necessidade de ingerir mais açúcar, uma vez que já está com a quantidade máxima requerida.

Além da saciedade, a garcinia cambogia traz outros benefícios a quem deseja emagrecer. Neste caso, o benefício ocorre devido a uma substância presente na mesma, denominada ácido hidroxicítrico (HCA). Este ácido atua de duas maneiras, são elas:

  1. Ele inibe a conversão do carboidrato ingerido em gordura, que posteriormente seria convertido em tecido adiposo;
  2. Ele faz com que o organismo utilize como fonte de energia os carboidratos ingeridos através da alimentação. Isto fará com que a pessoa sinta menos fome do que o normal.

Como tomar garcinia cambogia

O extrato da garcinia cambogia é comercializado em cápsulas, geralmente contendo 500 mg cada.

Para obter os resultados desejados a pessoa deverá ingerir ao menos 3 cápsulas ao dia, meia hora antes das principais refeições (café da manhã, almoço e jantar). Deve-se tomar o cuidado de tomar as cápsulas com o estômago vazio.

A quantidade de extrato ingerida irá depender do quanto se precisa emagrecer. Para aqueles que precisam emagrecer mais de 10 quilos, sugere-se aumentar a ingestão para 6 cápsulas ao dia. Isto para obter resultados mais rápidos. Esta é a quantidade máxima de segurança, 3.000 mg de extrato ao dia.

Efeitos colaterais

Por ser um produto natural, os efeitos colaterais de se usar a garcinia cambogia são bem leves. Apenas pessoas que exageram no consumo de garcinia cambogia podem sofrer com algum efeito colateral.

Os efeitos colaterais que mais comuns relatados por pessoas que tomaram garcinia cambogia foram:

  • Dores de cabeça
  • Alterações estomacais
  • Diarreia
  • Erupções na pele
  • Náuseas e vômito
  • Febre
  • Anorexia
  • Boca seca

Vale ressaltar também que estes efeitos também variam de acordo com a marca do produto obtida.

Suspenda a ingestão de garcinia cambogia e procure um médico caso ocorra o surgimento de efeitos colaterais diferentes e mais severos do que os listados acima. Lembre-se sua saúde deve estar sempre em primeiro lugar.

Contraindicações

Tomar garcinia cambogia é contraindicado para os seguintes casos:

  • mulheres grávidas;
  • lactantes;
  • crianças;
  • pessoais que tomam antidepressivos;
  • diabéticos.

Considerações finais

Vale ressaltar que apesar de algumas pesquisas mostrarem que a garcinia cambogia funciona como um emagrecedor natural, no processo de emagrecimento a partir da redução da gordura corporal, juntamente com a utilização desta procure adotar uma dieta saudável. Busque consumir o mínimo possível de alimentos processados, e tente realizar algum tipo de atividade física ao menos três vezes na semana.

Isto é importante porque se você não mudar seus hábitos alimentares, poderá emagrecer com o auxílio do extrato de garcinia cambogia. Entretanto, quando você parar de tomar, ganhará todo o peso perdido em pouco tempo.

Então, o ideal como dito acima, é fazer uma reeducação alimentar e adotar uma vida mais saudável. Você pode e deve fazer uso de um suplemento de garcinia cambogia, mas apenas como um auxiliar no processo de emagrecimento. Sozinha ela não vai ser capaz de fazer você perder peso.

Os melhores suplementos para ganhar músculos rápido

Se você é uma pessoa que se exercita regularmente, você provavelmente quer ter certeza de que está tirando o máximo proveito desses exercícios físicos. Um objetivo (e benefício) importante do exercício é ganhar força muscular.

Se você quer ganhar músculos mais rápido, você deve seguir 3 regras básicas: consumir mais calorias do que você queima, consumir mais proteína do que você gasta e ter um programa de exercícios físicos que faça valer seu tempo e dedicação investidos.

Embora seja possível ganhar mais força e músculos sem tomar suplementos dietéticos, certos suplementos podem ajudá-lo a atingir seus objetivos mais rápido.

Os 6 suplementos listados são os melhores suplementos para quem busca hipertrofia.

suplementos para ganhar massa muscular rapidamente

Creatina

A creatina é uma molécula produzida naturalmente em seu corpo. Ela fornece energia para seus músculos e outros tecidos. Tomar um suplemento de creatina pode aumentar o conteúdo de creatina muscular em até 40% além dos níveis normais (1, 2, 3).

Isso afeta as células musculares e o desempenho físico, promovendo o ganho de massa muscular. Um enorme número de pesquisas mostra que a creatina favorece o ganho de força muscular (4, 5, 6). E isto é uma boa notícia se você está tentando ganhar músculos. Um aumento de força física permite que você se saia melhor durante o exercício, levantando mais peso e ganhando mais massa muscular no processo (7).

A creatina também pode aumentar a quantidade de água nas células musculares. Isso pode fazer com que musculares pareçam ligeiramente inchados, que é um sinal de crescimento muscular (8).

Além disso, esse suplemento pode aumentar os níveis de hormônios envolvidos no crescimento muscular, como o IGF-1 (9). Algumas pesquisas também mostram que a creatina pode diminuir a degradação das proteínas nos músculos (10). Ou seja, ela pode combater o catabolismo, estado metabólico onde o corpo usa as proteínas dos músculos como fonte de energia. Quem busca hipertrofia obviamente não quer que isso aconteça.

No geral, muitos pesquisadores estudaram suplementos de creatina e uma coisa ficou bem clara: a creatina pode ajudar a aumentar a massa muscular (11, 12).

Se você está procurando um suplemento para ajudá-lo a ganhar músculo, a creatina tem que estar na sua lista de compra.

Proteína

Obter proteína suficiente é fundamental para ganhar músculos: você precisa consumir mais proteínas do que o seu corpo queima por processos naturais (13).

Embora seja possível obter todas as proteínas que você precisa de alimentos ricos em proteínas, nem todas as pessoas conseguem fazer isso. Se você é uma dessas pessoas, você deve considerar tomar um suplemento de proteína.

Existem muitos suplementos de proteína diferentes disponíveis, mas alguns dos mais populares são a whey, a caseína, a albumina e proteína de soja.

Pesquisas mostram que a adição de proteína extra através de suplementação causa um aumento do músculo ligeiramente maior em pessoas que se exercitam do que adicionar carboidratos extras (14, 15, 16).

No entanto, os efeitos no ganho de massa muscular são maiores em pessoas que não consomem proteína suficiente em sua dieta normal.  Pesquisas mostram que consumir quantidades muito elevadas de suplementos proteicos não ajuda a aumentar o músculo se você já estiver seguindo uma dieta rica em proteínas (17, 18, 19, 20).

Mas qual a quantidade certa de proteínas que eu devo consumir para ganhar músculo? A quantidade ideal de proteínas que você deve obter por dia é de 1.2 a 2 gramas de proteínas para cada quilo que você tem (21, 22, 23). Mais do que isso provavelmente não vai lhe trazer muitos benefícios e é provável que a proteína vire gordura. Tome menos do que o recomendado e você não vai ganhar massa.

Beta-alanina

A beta-alanina é um aminoácido que reduz a fadiga e pode aumentar o desempenho físico (24, 25). Além disso, a beta-alanina também pode ajudar no aumento de massa muscular.

Um estudo mostrou que tomar 4 gramas de beta-alanina por dia durante oito semanas aumentou a massa corporal magra mais do que um placebo em lutadores universitários e jogadores de futebol (26).

Outro estudo relatou que a adição de um suplemento de beta-alanina a um programa de treinos de alta intensidade de de seis semanas de duração aumentou a massa corporal magra em cerca de 450 gramas a mais do que um placebo (27).

Embora seja necessária mais pesquisas sobre beta-alanina e ganho de músculo, este suplemento pode ajudar a você no ganho muscular quando combinado com um programa de exercícios de alta intensidade.

[caption id="attachment_1582" align="aligncenter" width="300"]Beta Alanina Optimum Nutrition Beta Alanina da Optimum Nutrition[/caption]

BCAA

Os aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA) consistem em três aminoácidos individuais: leucina, isoleucina e valina. Eles são encontrados na maioria das fontes de proteínas, particularmente aquelas de origem animal como carne bovina, aves, ovos, produtos lácteos e peixes.

Os BCAAs são criticamente importantes para o crescimento muscular e representam cerca de 14% dos aminoácidos nos músculos (28, 29). A maioria das pessoas já consomem todo o BCAAs que precisam através da dieta, mas se você está numa rotina de treinos intensos, talvez seja necessária tomar uma suplementação.

Algumas pesquisas mostraram que os BCAAs podem melhorar o ganho muscular ou reduzir a perda muscular, em comparação a um placebo (30, 31).

No entanto, outras pesquisas mostram que os BCAAs podem não produzir ganhos maiores de músculos em pessoas que treinam pesado (32). É provável que os suplementos de BCAA só vão te beneficiar se você não estiver comendo proteína de alta qualidade suficiente em sua dieta.

A maioria dos suplementos de proteína já vem com BCAA em sua composição, por isso, caso você esteja tomando Whey, o BCAA não é necessário para você.

HMB

O ácido beta-hidroxi beta-metilbutirato (HMB) é uma molécula que é produzida quando seu corpo processa o aminoácido leucina. O HMB é responsável por alguns dos efeitos benéficos da proteína e leucina na dieta (33). Pode ser especialmente importante para reduzir o catabolismo das proteínas musculares (34).

O HMB é produzido naturalmente pelo seu corpo, mas tomar um suplemento aumenta os níveis dessa molécula em seu corpo e pode beneficiar seus músculos (35, 36).

Vários estudos em adultos anteriormente não treinados mostraram que tomar de 3 a 6 gramas de HMB por dia pode melhorar os ganhos na massa corporal magra em treinos com pesos (37, 38, 39). No entanto, outras pesquisas mostram que doses semelhantes de HMB provavelmente não são eficazes no aumento da massa muscular em adultos já acostumados com esse tipo de treino (40, 41, 42).

Ou seja, o HMB é mais efetivo em pessoas que estão começando a se exercitar ou que aumentando a intensidade de seus exercícios.

[caption id="attachment_1583" align="aligncenter" width="261"]Optimum Nutrition HMB HMB da Optimum Nutrition[/caption]

Outros suplementos

Há vários outros suplementos no mercado que afirmam aumentar a massa muscular. Estes incluem o CLA, hipercalóricos, aumentadores de testosterona, glutamina e L-carnitina.

No entanto, a evidência é sobre a eficácia desses suplementos são mistas e por isso eles não foram incluindos na seção principal do artigo.

  • Ácido linoleico conjugado (CLA): CLA refere-se a um grupo de ácidos graxos ômega-6 que exercem vários efeitos sobre o corpo. Estudos sobre CLA para ganho muscular produziram resultados mistos, e não está claro se ele é benéfico ou não (43, 44, 45).
  • Testosterona “boosters”: os suplementos de aumento de testosterona incluem ácido D-aspártico, tribulus terrestris, fenugreco, DHEA e ashwagandha. É provável que esses compostos beneficiem apenas aqueles com baixa testosterona e que não funcione em indivíduos saudáveis (48, 47, 48, 49).
  • Glutamina e L-carnitina: provavelmente não são eficazes no aumento da massa muscular em pessoas jovens ou de meia-idade que já treinam. No entanto, estudos mostraram que a L-carnitina pode ter alguns benefícios para a massa muscular em idosos (50, 52, 53).
  • Hipercalóricos: estudos mostram que iniciantes em levantamento de peso se beneficiam muito das calorias extras contidas em hipercalóricos desde que eles estejam consumindo proteína suficiente. Porém, o ganho de massa muscular não é tão evidente em pessoas que já treinam (54, 55).

CONCLUSÃO

Os suplementos não vão milagrosamente fazer você ganhar músculos se sua dieta e treino são ruins. Se você quer hipertrofia, você tem que investir em uma dieta e treinos de qualidade.

Para ganhar músculo, você precisa comer calorias e proteínas suficientes, bem como exercitar, idealmente levantando pesos. Se você já está fazendo isso, você pode pensar em usar suplementos dietéticos.

A creatina e os suplementos de proteínas são provavelmente as escolhas mais eficazes para o ganho muscular, mas outros suplementos podem ser benéficos apenas para certas pessoas.

 

Whey Protein: O que é, quais os benefícios e como tomar

Um dos suplementos mais famosos e mais utilizados em todo o mundo é o Whey Protein. Sendo um suplemento essencial para o crescimento muscular, o Whey Protein é um produto que apresenta diferentes tipos.

Trata-se de um suplemento proteico que é obtido através do soro do leite. A extração desta proteína é realizada durante o procedimento de conversão do leite em queijo.

O que é o Whey Protein e quais seus componentes?

O Whey Protein se torna uma fonte de proteína mais eficiente para o corpo humano. Contando com BCAA e glutamina em sua composição, o Whey Protein fornece aminoácidos ao seu corpo, os quais são essenciais para o crescimento muscular.

O seu valor biológico é maior do que a grande maioria de outras fontes de proteínas, fator que o torna uma fonte mais eficiente e rápida do que alimentos como frango e carnes. Quanto a filtragem do produto, esta faz com que o Whey Protein possa ser diferido em 3 diferentes grupos, que são: Concentrado, Isolado e Hidrolisado.

Tipos de Whey Protein

O Whey concentrado apresenta um processo de filtragem mais superficial e que conserva diversas propriedades benéficas da proteína. Devido a isso, este tipo de suplemento apresenta uma quantidade menor de proteínas do que os outros tipos, tendo cerca de 70 a 80% de proteínas e o restante de sua composição preenchida por carboidratos e gorduras, sendo o tipo ideal para dietas de redução calórica e para o aumento da massa muscular.

Já o Whey isolado apresenta uma maior concentração de proteínas em sua composição, algo que gira em torno dos 90%. Isso acontece porque o processo de filtração é mais rígido, eliminando uma boa quantidade de substâncias como colesterol, gordura, lactose e até mesmo hidratos de carbono. A eliminação destas substâncias ocasiona em uma maior concentração de proteína no resultado final.

O Whey isolado ajuda na construção muscular e na definição, e é considerada por muitos como uma proteína completa.

E por último temos o Whey hidrolisado, o qual é obtido após um procedimento chamado hidrólise, onde as cadeias de proteína são repartidas em pedaços muito pequenos, os quais são chamados peptídeos. Estes pequenos peptídeos fazem com que a absorção da proteína em seu corpo seja realizada de maneira muito mais rápida.

Além disso, o Whey hidrolisado ainda apresenta uma possibilidade menor de causar reações alérgicas em seu corpo devido a sua utilização.

Benefícios do Whey Protein

Dentre os principais benefícios que o Whey Protein oferece ao seu organismo podemos destacar alguns, como a maior retenção de nitrogênio por parte de seu corpo, fator este que é de extrema importância para o crescimento de seus músculos. Além disso, temos ainda a ação antioxidante do suplemento, que faz com que seu sistema imunológico seja fortalecido e ainda reduz os efeitos de overtraining.

A rápida absorção do Whey Protein em seu organismo é outro fator de destaque do suplemento, uma vez que este fator é fundamental para suplementos utilizados por pessoas que buscam a hipertrofia na musculação.

Isso por que logo após a realização de seus exercícios, os músculos entram no que chamamos de “janela de oportunidades”, onde ele está mais propício a receber minerais e nutrientes, fazendo com que as proteínas e aminoácidos sejam absorvidos com muito mais rapidez e eficiência.

Com isso, o seu corpo apresenta um ambiente anabólico ideal, aumentando a síntese proteica.

A utilização do Whey Protein ainda proporciona uma melhora na performance durante o treino, como indicam pesquisas publicadas em 2014.

Os níveis de colesterol ruim também são diminuídos com a utilização do suplemento, assim como os níveis de colesterol bom são aumentados.

Whey Protein emagrece?

Para quem vê o Whey Protein como um suplemento utilizado exclusivamente para ganhos musculares, engana-se. Uma vez que o suplemento também pode ser utilizado em diversas dietas de emagrecimento, fazendo com que o corpo perca peso sem perder massa magra.

Isso acontece devido ao controle dos níveis de açúcar no sangue que o suplemento proporciona, fazendo com que a fome seja saciada de maneira mais rápida do que com outras fontes de proteínas. No entanto, caso seja dosado e utilizado de maneira errada, o Whey Protein pode auxiliar na engorda.

Quanto e como tomar o Whey Protein?

Quanto a dosagem e administração do Whey Protein, esta pode ser realizada de diversas maneiras diferentes. É muito comum as pessoas que buscam a hipertrofia ingerirem o suplemento despois do treino juntamente com dextrose, uma vez que o carboidrato auxilia na entrada de nutrientes para dentro de suas células. Vale também ressaltar que a “janela de oportunidades” pode durar até 24 horas, como indica alguns estudos, e devido a isso, você não precisa ingerir o suplemento logo após a finalização do treino.

Além disso, muitas pessoas utilizam o Whey Protein logo ao acordar, tendo em conta que passamos por diversas horas sem comer, o que causa o catabolismo. Por isso, o suplemento se torna ideal para evitar este fenômeno devido a sua absorção rápida.

Para ingerir o produto basta você misturar a quantidade indicada de Whey Protein, que geralmente gira em torno de 30 g a 40 g em um shake com 200 ml de água e maltodextrina, dextrose ou até mesmo outras substências, dependendo da ocasião.

Caso você tenha uma alimentação balanceada, não é necessário a utilização de nenhum carboidrato, como os citados acima.

Efeitos colaterais do Whey Protein

O Whey Protein é um suplemento que praticamente não apresenta efeitos colaterais. O principal efeito que pode ser causado pelo suplemento está relacionado a lactose presente na composição do mesmo. Pessoas que apresenta tolerância a lactose podem apresentar sistemas como gases, diarreia, cólicas e até mesmo má digestão.

Nestes casos, é recomendado que você procure pela orientação de algum profissional qualificado na área para indicar a utilização de um Whey Protein isolado, uma vez que muitos dos suplementos desta categoria não contam com a lactose em sua composição.

O Whey Protein é um dos melhores suplementos proteicos do mercado. Vale muito a pena utilizá-lo, independente de qual seja o seu objetivo!

Maca peruana: para que serve, benefícios, contra indicações e como tomar

A maca peruana é o produto queridinho da vez das mulheres desejosas em eliminar os quilinhos extras. Ele tem sido recomendado por profissionais da saúde de renome, possui autorização de comercialização pela ANVISA e promete acabar de vez com aquela barriguinha que tanto incomoda.

Além disso, a maca peruana tem sido chamada de viagra natural e vem fazendo sucesso entre os homens.

Logo abaixo, você irá encontrar as principais informações sobre ela, tais como, como tomar? Maca peruana serve para quê? Quais os benefícios da maca peruana?

O que é

A maca peruana é um tubérculo cultivado no Peru e em outras partes da Cordilheira dos Andes. Nos países andinos ela é usada como na culinária e medicina local. Fora dos Andes, ela é consumida em forma de pó ou em cápsulas. A maca traz uma série de benefícios ao organismo, em especial, aqueles relacionados a redução de peso e estimulação sexual.

Para que serve maca peruana

A maca peruana é usada por pessoas que querem emagrecer com saúde, ganhar massa magra e regular os níveis hormonais do organismo.

A maca peruana é conhecida como viagra natural, e por este motivo o seu consumo tem aumentado muito entre a população masculina.

Composição

De acordo com pesquisas realizadas com a maca peruana, chegou-se a sua composição média, descrita abaixo:

Porção de 100 gramas Porcentagem
Carboidratos 50 – 70%
Gorduras 2 – 4%
Proteínas 18%
Fibras 30 %

Além desses macronutrientes, este alimento é rico em fósforo, zinco, magnésio, potássio, cálcio e ferro.

Benefícios da maca peruana

São inúmeros os benefícios obtidos a partir do consumo da maca peruana, e estes podem ser distintos em homens e mulheres. Veja a seguir os principais deles, divididos por sexo.

Mulheres

  • Estabilizante de humor;
  • Mais ânimo e disposição para a realização das atividades cotidianas, devido à grande quantidade de carboidratos em sua composição;
  • Melhoria na performance atlética;
  • Ajuda a aliviar os sintomas da TPM.
  • Auxílio na produção hormonal, ideal para mulheres que estão na menopausa;
  • Rejuvenescedor natural;
  • Excelente fonte de vitamina C, prevenindo assim gripes e resfriados;
  • Fonte de fibras, o que dá a sensação de saciedade, fazendo a pessoa sentir menos fome e portanto, comer menos, proporcionando o emagrecimento.
  • Melhoria do funcionamento gastrointestinal e redução da retenção hídrica, devido a quantidade de fibras;
  • Excelente fonte de ômega 3, prevenindo assim o surgimento de doenças cardiovasculares, regulando os níveis de colesterol sanguíneo e controlando a hipertensão arterial;
  • Atua na prevenção da osteoporose e anemia devido ao fato dela ser um alimento rico em cálcio;
  • Aumento do desejo sexual e libido, por causa de seu efeito afrodisíaco;
  • Aumento da fertilidade;

Homens

  • Aumento do desejo sexual e libido, por causa de seu efeito afrodisíaco;
  • Aumento da fertilidade;
  • Fonte de energia;
  • Melhoria na performance atlética;
  • Rejuvenescedor natural;
  • Auxilio nos casos de impotência sexual;
  • Mantém o equilíbrio hormonal;
  • Excelente fonte de vitamina C, prevenindo assim gripes e resfriados;
  • Fonte de fibras, o que dá a sensação de saciedade, fazendo a pessoa sentir menos fome e portanto, comer menos, proporcionando o emagrecimento.
  • Melhoria do funcionamento gastrointestinal e redução da retenção hídrica, devido a quantidade de fibras;
  • Excelente fonte de ômega 3, prevenindo assim o surgimento de doenças cardiovasculares, regulando os níveis de colesterol sanguíneo e controlando a hipertensão arterial;
  • Atua na prevenção da osteoporose e anemia, por causa da sua grande concentração de cálcio;

Onde comprar

Um suplemento de maca peruana que está fazendo grande sucesso entre homens e mulheres é o Maca Natural Bio. Este produto foi feito especialmente para aumentar o desejo sexual. Para conhecer e/ou comprar acesse o site oficial.

[caption id="attachment_1859" align="aligncenter" width="910"]suplemento de maca peruana Maca Natural Bio é um suplemento de maca peruana que promete melhorar seu desempenho sexual.[/caption]

Além desse suplemento, você pode encontrar dezenas de outros produtos com maca peruana tanto na internet quanto em lojas físicas em sua cidade.

Como tomar maca peruana

O produto pode ser adquirido tanto em cápsulas quanto em pó. Confira abaixo como tomar cada um deles.

Maca peruana em cápsulas

Quando adquirido em cápsulas, a maca peruana geralmente vem em dosagens de 500 ou 1200 mg. Neste caso recomenda-se a ingestão de apenas uma cápsula de 500 mg até que o organismo se adapte ao suplemento e ir aumento gradativamente a dosagem até chegar em no máximo 4 cápsulas ao dia.

O melhor horário para a administração da maca peruana é durante as refeições, almoço e jantar.

Maca peruana em pó

Já a maca peruana em pó deve ser consumida misturada a alimentos tais como sopas, sucos, saladas de frutas, iogurtes, frutas, dentre outras combinações. Veja abaixo a receita de uma deliciosa vitamina utilizando a maca em sua formulação.

Ingredientes

  • Duas folhas de couve;
  • 1/2 cenoura;
  • 1 copo de água de coco gelada;
  • 1 banana;
  • 3 colheres (sopa) maca peruana em pó;
  • 1 colher (sopa) de mel ou de açúcar mascavo;

Modo de Preparo

  • Adicione todos os ingredientes no liquidificador;
  • Processar até obter uma mistura homogênea.

Obs: Adicionar cubos de gelo, caso queira uma bebida mais refrescante.

Esta é apenas uma dentre muitas receitas que poderão ser feitas utilizando este maravilhoso produto. Crie você mesmo a sua receita, coloque a imaginação para funcionar e mãos à obra.

O único inconveniente neste caso é quanto ao sabor, uma vez que nós não estamos acostumados com o paladar deste tubérculo. Porém, com o passar do tempo, o organismo já se acostuma com o mesmo.

Efeitos colaterais

A maca peruana é um produto natural e por este motivo não há evidências de efeitos colaterais provenientes de sua utilização. Sendo assim, o produto pode ser consumido sem medo.

Vale ressaltar, entretanto que, tudo em excesso é prejudicial, sendo assim é importante sempre consumir o suplemento na dosagem correta a fim de se obter os melhores resultados possíveis.

Contraindicações

A maca peruana é contraindicada apenas para um grupo seleto de pessoas, que são:

  • Gestantes;
  • Lactantes;
  • Crianças;
  • Pessoas com algum tipo de câncer ou doença crônica.

No entanto é importante reforças que não é recomendado a utilização de nenhum tipo de suplemento sem a indicação de algum profissional da saúde, pois este sabe exatamente qual a dosagem ideal para a obtenção dos resultados desejados. Sendo assim, evite a consumo deste suplemento sem o aval destes profissionais.

Funciona?

A resposta é sim, a maca peruana funciona mesmo. Anteriormente foram listados os benefícios atribuídos a este produto. Sabe-se que cada organismo reage de uma maneira diferente a um determinado tratamento, no entanto os relatos das pessoas que tem feito uso deste produto são os mais animadores possíveis.

Além de trazer inúmeros benefícios ao organismo de uma maneira totalmente natural, a maca peruana tem a vantagem de possuir um preço bastante acessível, tornando assim a propaganda de sua utilização ainda mais tentadora.

Então, por que você não faz uma experiência com a maca peruana? Uma coisa é certa: perdas você não terá. Se você perder algo com a maca peruana, irá ser aqueles quilinhos extras que tanto a incomodam.

Whey Protein Isolado: para que serve, benefícios e como tomar

Um suplemento muito utilizado por atletas, o ​whey protein isolado​ é  produzido durante o processo de fabricação do queijo, quando são extraídas as proteínas do soro do leite. Colocamos abaixo algumas informações importantes sobre esse poderoso suplemento alimentar.

O que é

O ​whey protein isolado ​é um tipo de ​Whey Protein​, onde se isola a  proteína​ do soro de leite. É um suplemento com grande quantidade de  aminoácidos que são essenciais para a saúde, mas que não são produzidos pelo nosso organismo. Muito nutritivo, eles estão presentes nos alimentos.

A ingestão desse suplemento​ ajuda a suprir a deficiência, desses aminoácidos, que são: triptofano, cisteína, leucina, isoleucina e lisina.

O ​whey protein isolado​ supre as demandas no nosso corpo de forma muito eficaz e ainda é utilizado para fins terapêuticos e estéticos. É uma excelente fonte de BCAA, uma proteína de cadeia ramificada que é primordial para recuperação muscular.

Como é produzido?

Na produção do ​whey protein isolado​, o soro de leite passa por vários processos de filtração, onde as gorduras e outros componentes de  baixo valor nutricional são removidos. O processo resulta em um  composto concentrado de alto valor proteico. É a forma mais pura da  proteína​ do soro de leite, com 90% ou mais de proteína pura e altíssimo  valor biológico. Isso faz com que as proteínas sejam facilmente  absorvidas pelo organismo e melhor absorvidas pelos músculos. Contém  baixíssimo teor ou nenhum carboidrato, gordura ou lactose.

Para que serve whey protein isolado?

O ​whey protein isolado​ é muito usado por atletas e fisiculturistas e pessoas que praticam atividades físicas em geral. Usado também por quem deseja ter maior definição muscular, esse composto alimentar diminui o índice das lesões e auxilia na recuperação de lesões ocasionadas pelo excesso de esforço físico do atleta, no pós-cirúrgico e na recuperação de feridas e queimaduras.

O ​whey protein isolado​ é recomendado na dieta do atleta que  precisa ter reduções de calorias, redução de gorduras e carboidratos. Também é recomendado para pessoas que possuem dificuldade de absorção de proteínas, um fator que pode ser genético. O composto é recomendado em casos de pessoas que têm intolerância a lactose, nesse caso, ele supre as necessidades das proteínas do leite, mas sem a lactose.

Principais benefícios

● Auxiliar na dieta de emagrecimento

● Aumento da massa muscular

● Diminuir altos índices de colesterol

● Melhorar musculatura

● Como suplemento alimentar em casos de deficiência de proteínas, principalmente para pessoas com intolerância à lactose.

Engorda?

Se o ​whey protein isolado​ for consumido adequadamente e sem exageros, o suplemento não engorda; Além de ajudar no ganho de massa  muscular, pode ser usado para quem deseja emagrecer, já que é livre de  gordura e carboidratos, ele acelera o metabolismo e da sensação de  saciedade. Mas deve ser consumido juntamente com uma dieta equilibrada para que seus efeitos sejam significativos.

Como tomar

A dose que você deve tomar de whey protein isolado deve ser baseada  no seu peso com base de 1,2 gramas de proteínas para cada quilo de peso, ou conforme orientação de um profissional. Assim, uma pessoa com 80 quilos deve consumir 96 gramas diárias. Lembrando que alimentos também contém proteína.

Essa recomendação geralmente está escrita no rótulo do produto, lembrando que as doses diárias e forma de ingestão depende muito do objetivo esperado. Vejamos a seguir:

Ao acordar:​ Pode ser ingerido ao acordar para evitar o catabolismo devido ao tempo que ficou sem se alimentar.  ​

Como substituto de lanches:​ Pode ser usado como substituto de lanches, aumentando a saciedade e auxiliando na perda de peso, mas é preciso contratar um profissional orientador, já que não é viável trocas de alimentação natural por shakes e suplementos. Uma dieta balanceada  sempre é a melhor alternativa.

​Depois do treino:​ Se a meta for aumentar a massa muscular, o ​whey protein isolado deve ser consumido imediatamente após o treino, isso para suprir as necessidades gastas com os exercícios.

Antes de dormir:​ O ​whey protein isolado​ pode ser consumido antes de dormir, mas existem outras proteínas mais recomendadas para esse período, elas são proteínas de lenta absorção que funcionam melhor  quando a pessoa está dormindo.

Melhor forma de tomar

O composto é uma farinha que pode ser usado para fazer shakes, misturados com salada de frutas, alguns probióticos, iogurtes e outros produtos. Também usados em receitas de biscoitos, pães, bolinhos e outros.

Já que o ​whey protein isolado é uma proteína que​ foi separada do leite, uma boa alternativa é a solução em água e sucos de frutas.

Como fazer whey protein isolado caseiro

Já que o ​whey protein isolado​ é uma proteína isolada do leite, é possível retirar a gordura, consumindo apenas as substâncias benéficas  para o organismo. Usando o ingrediente principal que será o leite, é possível isolar a proteína de forma caseira. Veja abaixo a receita:

Ingredientes:

  • 1 litro de leite integral (não usar leite em pó);
  • 3 colheres de sopa de vinagre ou suco de limão;
  • Aromatizantes ou especiarias à gosto.

Materiais:

  • Uma panela grande o suficiente para ferver tudo;
  • Coador de papel

Modo de preparo: 

  1. Em uma panela grande, aqueça o leite. Quando surgirem bolhas nas laterais da panela, abaixe o fogo e adicione o vinagre ou o suco de limão. Mexa constantemente.
  2. Quando o leite coalhar completamente, fará separação da parte líquida e sólida. Desligue o fogo e deixe esfriar.
  3. Use o coador de papel para filtrar o soro do leite.
  4. Adicione especiarias como canela, noz moscada, cravo e outras especiarias à gosto.
  5. O composto deve ser mantido na geladeira e consumido num  prazo de três dias.

Principais Marcas

O suplemento ​whey protein isolado​ é um produto amplamente comercializado, já que é um dos produtos com mais quantidade de proteína por dose. O suplemento pode ser encontrado em diversas lojas físicas de produtos para atletas e até mesmo em algumas farmácias.

Existe no mercado produtos nacionais e importados. Citamos a seguir, algumas das  marcas mais conhecidas que estão disponíveis para o consumidor: ​Atlhetica Evolution, Arnold Nutrition, AST Sports Science, DNA, Dymatize Nutrition, Gaspari Nutrition, IntegralMédica Nutek, Nutrilatina AGE, Neonutri, Nature’s Best, Optimum Performance Nutrition, Probiótica, Universal, Muscletech, Vitafor e outros.

Os preços variam de acordo com a marca e se são importados ou nacionais. Os valores variam entre R$70,00 a R$ 300,00 para os nacionais ou até mais, se forem importados.

Contraindicações

O suplemento ​whey protein isolado​ não tem contraindicação, a não ser para quem é sensível aos componentes fazem parte da fórmula. Antes de adquirir o produto é sempre bom observar a tabela de formulação.

Hipercalóricos: saiba para que serve e como tomar

Hipercalóricos, como o próprio nome sugere, são suplementos que tem por objetivo fornecer energia ao corpo e são basicamente utilizados por pessoas que estão em busca de ganho de massa, em especial de massa magra.

Atualmente é um dos suplementos alimentares mais utilizados pelas pessoas que vivem no mundo fitness. De acordo com uma pesquisa realizada, mais de 80% das pessoas que frequentam as academias utilizam ou já utilizaram hipercalóricos, e este número é maior entre o sexo masculino.

São indicados para as pessoas que estão em processo de hipertrofia muscular, para pessoas que possuem o metabolismo muito rápido e que portanto, possuem dificuldade em ganhar peso e ainda para atletas de alta rendimento, que gastam muita energia durante os treinos e competições.

Composição dos hipercalóricos

Estes produtos são compostos especialmente por macronutrientes, cuja função é fornecer energia ao organismo. São eles:

  • Carboidratos, em sua maioria, tanto simples quanto complexos;
  • Proteínas de alto valor biológico, ou seja, aquelas que são facilmente absorvidas pelo organismo;
  • Aminoácidos unidos a lipídeos;
  • Vitaminas e sais minerais, em alguns casos.

Muitas pessoas questionam se de fato o consumo de hipercalórico engorda. A resposta é depende. Se você o utilizar de maneira correta, na dosagem recomendada, ganhará massa, que é um dos objetivos de sua utilização.

No entanto, como tudo em excesso faz mal, se você utilizar o suplemento em quantidades superiores a recomendada, poderá simplesmente engordar, ganhando gordura corporal, o que não é nada saudável. Portanto, procure sempre seguir a recomendação do nutricionista.

Benefícios

Os principais benefícios obtidos com a utilização destes suplementos são:

  • aumento de energia durante os treinos;
  • ganho de peso;
  • ganho e reconstrução de massa muscular;
  • fonte de energia para a dieta;

Como tomar hipercalórico

Este suplemento é comercializado em pó e pode ser consumido das seguintes formas:

  • apenas com água;
  • misturado em sucos;
  • em shakes;
  • com vitamina de frutas;
  • em iogurtes;
  • dentre outras.

Quando tomar

Isto irá depender da finalidade do produto. Como dito anteriormente ele pode ser utilizado tanto para pessoas que possuem um metabolismo rápido quanto por aqueles que desejam ganhar massa e mais energia durante a realização de seus treinos.

Sendo assim, recomenda-se a ingestão do hipercalórico juntamente com alguma refeição de baixo valor calórico, preferencialmente o café da manhã ou o jantar, isto quando a pessoa o utiliza para simplesmente ganhar massa.

Não se aconselha a substituição de nenhuma refeição pelo suplemento, uma vez que este deve ser utilizado exatamente como um complemento desta.

Para as pessoas que estão em busca de hipertrofia muscular, a ingestão do produto deve acontecer logo após o treino.

Quanto tomar

Para que você consiga ganhar peso, você precisa ingerir cerca de 500 calorias a mais do que gasta por dia. Esta energia extra, será obtida a partir do hipercalórico. Sendo assim, para calcular a quantidade que suplemento que você deverá tomar, basta calcular a quantidade de calorias que você ingere diariamente através da dieta e consumir a quantidade equivalente a 500 calorias do hipercalórico, esta quantidade vem sempre no rótulo do produto.

Caso, você esteja querendo ganhar massa rapidamente, poderá dobrar a quantidade de suplemento, para tanto, deverá caprichar nos treinos

Para quem é indicado

Os hipercalóricos são indicados para os seguintes casos:

  • homens e mulheres em busca de hipertrofia muscular;
  • pessoas que querem ganhar peso, pois possuem um metabolismo muito rápido;
  • atletas e esportistas que possuem um grande gasto energético.

Como comprar

Este suplemento pode ser adquirido facilmente em sites de internet, em lojas especializadas em suplementação e até mesmo em algumas farmácias.

O preço deste produto é bastante variável, devido a quantidade de indústrias que estão fabricando o produto na atualidade. Sendo assim, procure sempre adquirir produtos indicados pelos profissionais da saúde.

Dentre todos os produtos disponíveis no mercado, os melhores hipercalóricos são os fabricados pela Max Titanium e Growth Supplements, devido a qualidade dos ingredientes de sua composição.

[caption id="attachment_1369" align="aligncenter" width="1024"]hipercalorico max titanium Um hipercalórico da Max Titanium[/caption]

Contraindicações

De maneira geral, os hipercalóricos podem ser utilizados por qualquer pessoa, desde que sob a orientação de um nutricionista.

Pessoas com problemas hepáticos, diabetes ou predisposição a diabetes que devem tomar cuidado com o seu consumo.

Com relação aos efeitos colaterais, devido à grande quantidade de carboidratos, algumas pessoas relataram que tiveram náuseas, vômitos e diarreia.

Como fazer hipercalórico caseiro

Para aqueles que querem fazer uso de suplementos, mas acham os preços salgados, vale dizer que nem tudo está perdido, uma vez que é possível produzir o seu próprio hipercalórico em casa, utilizando ingredientes fáceis de serem encontrados e a um preço bastante acessível.

Veja a seguir duas receitas de hipercalóricos.

Receita 1

Ingredientes

  • 1 kg de chocolate em pó;
  • ½ kg de amendoim torrado e moído;
  • 2 kg de farinha de aveia;
  • ½ kg de proteína Whey, ou albumina.

Modo de Preparo

  • Adicione todos os ingredientes no liquidificador e processe até obter uma mistura homogênea;
  • Na hora em que for consumir, misture a quantidade indicada em água, suco ou iogurte.

Receita 2

Ingredientes

  • 4 colheres (sopa) aveia;
  • 2 colheres (sopa) de amendoim torrado e moído;
  • 1 banana;
  • 2 colheres (sopa) de maltodextrina;
  • 2 copos de leite integral.

Modo de Preparo

  • Adicione todos os ingredientes no liquidificador;
  • Processar até obter uma mistura homogênea;
  • Consumir em seguida.

Obs: O leite integral, pode ser substituído por óleo de coco.

Resultados

Se o suplemento for utilizado de maneira correta, associado a uma dieta equilibrada e a prática de atividades físicas, os resultados poderão ser obtidos rapidamente.

É sempre importante tirar medidas do corpo, acompanhar o peso e documentar através de fotos os avanços adquiridos, isto dará mais ânimo e energia para manter-se firme em sua meta.

Para que a meta consiga ser alcançada, tenha em mente 3 regrinhas básicas:

1º) aumente o número de refeições diárias;

2º) escolha alimentos com maior quantidade de calorias para compor as suas refeições;

3º) faça escolhas saudáveis, isto é, consuma alimentos calóricos porém que sejam nutritivos, e que não possuem apenas calorias vazias.

Vale ressaltar entretanto que, os mesmos resultados poderão ser obtidos sem a suplementação, a diferença se dará no tempo necessário para isto. Sendo assim, utilizando ou não suplementos, é possível ter o corpo de seus sonhos.

Colágeno Hidrolisado: para que serve, os benefícios e como tomar

O colágeno é uma proteína, formada por aminoácidos do organismo humano. Ele tem a função de manter as células unidas e é o principal componente da sustentação da pele e formação dos ossos, articulações e tendões.

A formação do colágeno acontece devido à complexa sequência bioquímica no interior das células. O colágeno é produzido naturalmente pelo organismo, ele pode ter a produção diminuída na fase adulta. Nessa fase é mais perceptível a diminuição do colágeno no nosso corpo.

Diferente da versão natural produzido pelo organismo, o colágeno hidrolisado é um suplemento alimentar extraído da cartilagem bovina. Este é utilizado para ajudar o corpo a produzir mais colágeno, que ao passar do tempo perdemos pelo fator idade. Ele ajuda a melhorar o aspecto da nossa pele dando firmeza e elasticidade, fortalecem unhas, cabelos e é um ótimo remédio para quem tem problemas nas articulações.

Geralmente o colágeno é indicado como suplementação complementar a partir dos 25 anos. É a partir desta idade os níveis de produção de colágeno no corpo começam a diminuir.

Precisando de um suplemento de colágeno hidrolisado? Clique Aqui!

Para que serve colágeno hidrolisado

A partir dos 25 anos de idade o corpo começa a perder a capacidade de produzir colágeno, que é um tipo de “cola” que dá firmeza a nossa pele.

O colágeno hidrolisado serve especificamente para auxiliar na reposição do colágeno natural do corpo, para que não se perca a firmeza e elasticidade da pele, que acaba gerando as terríveis rugas e linhas de expressão. O colágeno hidrolisado também previne em problemas ósseos futuros como a osteoporose ou alguma inflamação nos tendões e cartilagens.

Além disso, pode ser utilizado para o emagrecimento, já que ele dá mais saciedade ao estômago. Também é utilizado para regenerar a estrutura capilar e para o fortalecimento das unhas, tornando-as mais fortes e menos quebradiças.

Benefícios

Estudos mostram que a ingestão diária de 8g a 10g de colágeno hidrolisado traz diversos benefícios para a saúde. Entre os diversos benefícios, podemos citar:

  • Fonte de proteína: é ótimo para regeneração dos músculos, principalmente pós treino.
  • Ajuda a emagrecer: dá mais saciedade, fazendo com que você coma menos.
  • Benéfico para a estrutura óssea: ele está presente na formação de nossos ossos e cartilagem naturalmente, com o seu consumo você consegue manter os ossos e cartilagens mais sadios.
  • Repõem a perda do próprio colágeno: que a partir dos 25 anos diminui no organismo.
  • Fortalece os cabelos e unhas: quando é feita a complementação de colágeno com outras vitaminas e minerais o resultado é bem mais potente, reconstrói a fibra capilar e a fibra da unha, os tornando mais fortes.

Quando devo usar?

Você pode começar a usar um suplemento de colágeno quando perceber alguns sinais, tais como:

  • Diminuição da espessura dos fios de cabelo;
  • Aumento da flacidez e perda da elasticidade da pele;
  • Surgimento de rugas e linhas de expressão;
  • Aparecimento de estrias;
  • Pele fina e desidratada;
  • Diminuição da densidade óssea;
  • Ligamentos e articulações enfraquecidas.

Como tomar colágeno hidrolisado

O colágeno hidrolisado pode ser encontrado em três formas principais: em pó, em cápsulas e em balas/jujubas/gomas.

Em pó: Além de ajudar a emagrecer devido à saciedade que ele provoca. É indicado o consumo de 8 a 10 gramas por dia, que equivalem 1 colher de sopa diluída em chás, sucos, água ou até mesmo no iogurte.

Em cápsulas: Você deve ingerir 4 cápsulas de 500mg por dia, no horário mais apropriado do seu dia a dia.

Em balas/Jujuba/Gomas: As balas de colágeno hidrolisado têm em sua fórmula a gelatina farmacêutica, que em contato com as enzimas do estômago forma um gel, ajudando a controlar o apetite e liberando colágeno para o corpo. É indicado o consumo de 1 bala antes das principais refeições.

De um modo geral, os três tipos de colágeno hidrolisado fazem o mesmo efeito no organismo. A única diferença entre os três é que, o colágeno em pó e em goma o organismo absorve mais rápido, saciando a fome e controlando o apetite, e assim, pode ajudar a emagrecer. Já a cápsula é absorvida de forma mais demorada pelo estômago e portanto, os efeitos de saciedade são menores.

Preço

O preço do colágeno hidrolisado pode variar de acordo com a embalagem e o fabricante do produto. Veja a seguir a média de valores que podemos encontrar o produto:

Em Pó com 30 sachês de 10g cada: De R$ 90,00 a R$ 126,00.

Cápsulas: De R$ 30,00 a R$ 115,00, com cápsulas de 500mg de colágeno.

Balas de colágeno: R$: 20,00 a R$ 60,00.

[caption id="attachment_2508" align="aligncenter" width="152"]pote de collagen care Collagen Care é um suplemento de colágeno hidrolisado com vitamina C[/caption]

Onde comprar

O colágeno hidrolisado é vendido em várias farmácias, lojas virtuais e lojas de suplementos alimentares. Você pode encontrá-lo facilmente em todas as regiões do país.

Colágeno hidrolisado é aprovado pela ciência?

Estudos recentes mostram que o uso adequado do colágeno em forma de suplemento é benéfico à saúde. A pesquisa mostrou que mulheres entre 40 e 60 anos que introduziram colágeno hidrolisado em suas respectivas dietas, tiveram uma melhora positiva na aparência da pele. Observou-se que elas tiveram uma redução nas linhas de expressão e rugas e também tiveram uma melhora na hidratação da pele e no fechamento dos poros.

Indicações

Para todas as pessoas que querem repor seus níveis de colágeno. Também é recomendado para todas as pessoas acima dos 25 anos de idade, principalmente para aquelas que estão em processo de emagrecimento ou buscam tratar alguma doença óssea.

Segundo nutricionistas, esta proteína não é digerida pelo organismo, por isso, não tem contraindicação. O colágeno hidrolisado é uma maneira prática e segura para ajudar a repor os níveis de colágeno perdido.

Ressaltamos que somente a ingestão do colágeno hidrolisado não é garantia de um milagre. Hábitos alimentares saudáveis como beber 2 litros de água por dia, dormir bem, fazer atividades físicas e uma dieta equilibrada irá auxiliar no resultado final da suplementação.